*Se preferir, acompanhe o post por áudio. Tempo de áudio: 05:30 min

Tempo de leitura: 8 minutos

Você conhece marcas com um tom de voz único? 

O tom de voz de uma marca é a forma como ela se expressa com seu público. De modo geral, ele é atrelado a personalidade da marca.

A principal premissa do tom de voz de uma marca é que ele seja consistente. Nós já falamos sobre isso no quesito de tipografia, porém, outro ponto fundamental para estabelecer uma boa identidade da marca é a definição do seu tom de voz correto.

Um ótimo exemplo de uma empresa com um tom de voz bem definido é a Netflix que tem uma comunicação direcionada para o humor, investindo em comentários e interação com os internautas. 

 

O que o tom de voz fala sobre a minha empresa?

Definir o tom de voz é projetar os valores, a identidade e a comunicação da sua empresa que a fazem se destacar no mercado.

A voz indica a forma como você se comunica com o seu público e como você o estimula a dialogar de volta com a sua empresa.

Hoje em dia, com o fenômeno das redes sociais, diversas marcas passaram a utilizar tons de vozes mais voltados para uma comunicação mais “descolada”, por assim dizer.

Isso não significa que os tons de vozes mais comuns como de autoridade e técnica estejam fadados ao fim, mas a tendência que vemos hoje é a adaptação dos tons para uma linguagem mais fluida e divertida.

O ideal aqui é moldar o tom de voz da sua marca de acordo com os canais de comunicação que você for utilizar. 

Isso significa que o tom de voz pode variar conforme o veículo on-line ou offline que o seu público se encontra.

 

Como posso definir o tom de voz da minha empresa?

Primeiro de tudo precisamos entender que o tom de voz se relaciona com o branding da empresa. Isso é, o tom escolhido deve transpor o posicionamento e a identidade da empresa.

Assim, ele deve ajudar a fortalecer a imagem que a empresa quer passar, por isso, ele deve ser único e marcante.

Uma dica interessante é definir um manual de redação com expressões, slogans ou até mesmo gírias e palavras comuns presentes na comunicação da sua empresa.

Isso tudo ajuda a guiar quem quer seja a manter a comunicação com as características marcantes que tornam sua marca autêntica.

Mas esse é um processo que deve ser feito depois de definir palavras chaves e narrativas que serão contadas pela sua empresa, sejam elas em blogs, redes sociais e outros meios de comunicação. 

 

Mas, vamos lá…Como começar?

Analise o jeito de ser da sua empresa. No dia a dia é comum o uso de algumas expressões ou mesmo palavras específicas?

A sua empresa vende produtos e serviços mais tradicionais do mercado? E se você trabalha com estratégias de marketing digital, qual a linguagem você costuma utilizar em suas peças?

Sua marca, sua empresa, você e sua equipe tem uma comunicação que utilizam com os clientes, portanto, pense nela… é mais calma ou agitada? Tímida ou extrovertida?

E diante de processos, vendas e argumentações vocês explicam passo a passo ou se comunicam mais direto ao ponto?

Algo que pode ajudar a analisar isso tudo é desenvolver uma brand persona, que

baseia e orienta a forma de se comunicar com seus clientes. Assim fica mais fácil encontrar uma comunicação mais humanizada e natural.

 

Por que é importante encontrar o tom de voz que combine com a sua marca?

O tom de voz é uma ferramenta fundamental para projetar uma memória marcante na mente dos consumidores. Ele ajuda a impulsionar o reconhecimento da marca.

Uma estratégia de tom de voz bem sucedida torna uma marca como a Netflix em um personagem  icônico da web.

Mas para além disso,  a importância do tom de voz se dá por que a sua marca precisa gerar identificação com os consumidores. 

Isso é fundamental porque hoje, a humanização está no topo das relações entre consumidores e empresas.

É muito mais difícil fazer uma venda impessoal, sem suporte, assistência e orientação do cliente. Afinal, as pessoas não querem mais somente produtos, elas precisam resolver dores.

 

Pontos para te convencer a olhar agora para o tom de voz da sua empresa

  1. Tom de voz bem definido gera identificação, conceito chave para alavancar negócios – Como já disse anteriormente, quando você consegue gerar estímulos positivos nos seus clientes e criar um senso de pertencimento a sua comunidade, a fidelização desse cliente se torna muito mais fácil e garantida.

 

  1. Comunicação sem ruídos encanta os clientes – Comunicação leve e alinhada aos gostos e comportamentos do seu público pode ser o que falta para aumentar vendas. É importante ter uma consistência em cada etapa para facilitar a jornada do  cliente com a sua empresa.

 

  1. Você pode ser visto como um expert na sua área – O objetivo é gerar uma personalidade tão única que as pessoas te identifiquem como uma autoridade no assunto. Propor diálogo com clientes constrói confiança e incentiva o engajamento orgânico.

Para concluir….

O tom de voz é muito utilizado na publicidade, mas pode ser um grande aliado do seu negócio para diversas outras frentes que não objetivam necessariamente vender.

Ele ajuda a fidelizar, encantar e orientar clientes, além de proporcionar uma experiência consistente de relacionamento com a sua empresa.